Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Processo Seletivo para cursos técnicos: inscrições a partir do dia 23 de setembro

Publicado: Terça, 17 de Setembro de 2019, 19h12 | Última atualização em Quinta, 19 de Setembro de 2019, 15h37 | Acessos: 8019

São quase 6.000 vagas para cursos técnicos que serão ofertados por 35 câmpus no primeiro semestre de 2020.

O IFSP lançou nesta terça-feira (17) o edital com as regras do Processo Seletivo com 5.882 vagas para cursos técnicos que serão ofertadas por 35 câmpus no primeiro semestre de 2020. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas de 23 de setembro a 10 de novembro. Para se inscrever, o candidato deve ler o edital na íntegra, criar um cadastro no portal https://processoseletivo.ifsp.edu.br e preencher o formulário de inscrição e o questionário socioeconômico. Cada candidato pode realizar uma única inscrição.

São oferecidos cursos em três modalidades diferentes: 1) curso técnico integrado ao ensino médio: o candidato deve ter concluído o ensino fundamental. Ele cursará o ensino médio e o técnico no IFSP; 2) curso técnico concomitante ao ensino médio: o candidato deve estar matriculado no ensino médio em outra instituição de ensino. Ele cursará apenas o ensino técnico no IFSP; 3) curso técnico subsequente ao ensino médio: o candidato deve ter concluído o ensino médio. Ele cursará apenas o ensino técnico no IFSP.

Assim como nas edições anteriores, a seleção dos candidatos será feita por meio de análise de histórico escolar. Não há provas! Os candidatos devem inserir as notas ou conceitos das disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática. Para cursos Integrados, as notas a serem informadas são as do 8° ano (antiga 7ª série) do Ensino Fundamental. Já para os cursos concomitantes ou subsequentes, as notas a serem informadas são do 9° ano (antiga 8ª série) do Ensino Fundamental.

Não há limite de idade para estudar no IFSP. Não importa se você está terminando o ensino fundamental agora ou se você concluiu o ensino médio há muitos anos. Se você quer estudar e se recolocar no mercado de trabalho, essa é sua chance.

No Instituto Federal de São Paulo você se prepara para ser um profissional tecnicamente capacitado e ao mesmo tempo um cidadão crítico e participativo. Aqui o estudante aprende que a tecnologia pode caminhar lado a lado com o desenvolvimento sustentável e que cuidar do planeta também é promover o progresso. Nossos alunos são capacitados para desenvolverem inovações tecnológicas voltadas para atender à necessidade de quem mais precisa e convivem em um ambiente que respeita a diversidade e promove igualdade social, racial e de gênero.

O IFSP conta, em todos os câmpus, com um Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (Napne), responsável por realizar o acolhimento, o atendimento e o acompanhamento de estudantes com necessidades em todos os aspectos, do psicossocial ao pedagógico, além de fomentar ações coletivas, como palestras e capacitações, para sensibilizar toda a comunidade acadêmica sobre a diversidade e a inclusão.

Outros dois núcleos são de extrema importância dentro da Instituição. O Núcleo de Estudos Afro-brasileiro e Indígena (Neabi) e o Núcleo de Estudos sobre Gênero e Sexualidade (Nugs) promovem debates e campanhas de forma a banir e evitar quaisquer situações de violência e de discriminação dentro da Instituição e pela comunidade do IFSP.

Nosso trabalho é garantir o ingresso, a permanência e o êxito dos nossos alunos, de modo que a passagem pelo Instituto os ajude a conquistar tudo o que quiserem.

Câmpus – as quase seis mil vagas estão distribuídas nas seguintes cidades paulistas: Araraquara, Avaré, Barretos, Birigui, Boituva, Bragança Paulista, Campinas, Capivari, Caraguatatuba, Catanduva, Cubatão, Guarulhos, Hortolândia, Ilha Solteira, Itapetininga, Itaquaquecetuba, Jacareí, Jundiaí, Matão, Piracicaba, Pirituba, Presidente Epitácio, Registro, Salto, São Carlos, São João da Boa Vista, São José dos Campos, São Miguel Paulista, São Paulo, São Roque, Sertãozinho, Sorocaba, Suzano, Tupã e Votuporanga.

Histórico de estrangeiros — Candidatos (brasileiros ou estrangeiros) que cursaram o ensino fundamental e/ou médio no exterior deverão incluir as notas de Matemática e Língua Oficial escolar. O documento comprobatório de escolaridade anexado deverá ser apresentado por meio de atestado emitido por órgão oficial brasileiro, como a Secretaria de Estado da Educação.

Nome social – Em consonância com a Portaria IFSP n°2.102, de 13 de maio de 2014, o Instituto Federal de São Paulo assegura ao candidato transgênero o direito de ser tratado pelo gênero e pelo nome social ao ingressar na Instituição.

Em caso de dúvidas, recursos contra o edital ou outras informações, enviar e-mail para
Confira o cronograma com todas as datas importantes do Processo Seletivo: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Mais informações clique aqui.

Fim do conteúdo da página