Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Educação Especial e Acessibilidade (NAPNE)
Início do conteúdo da página

NAPNE - Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas

Publicado: Segunda, 13 de Março de 2017, 11h04 | Última atualização em Sexta, 23 de Setembro de 2022, 19h06 | Acessos: 3065

Tradução em libras do texto do Napne

 

Apresentação

No Instituto Federal de São Paulo – Campus São Roque, temos o NAPNE, que é o Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas. A finalidade do NAPNE é apoiar a inclusão escolar dos estudantes público-alvo da Educação Especial, que são as pessoas com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades.

 

O NAPNE busca fornecer apoio educacional aos estudantes público-alvo da Educação Especial e orientações à comunidade escolar para o desenvolvimento de uma educação inclusiva, tendo em vista que a inclusão é um compromisso de todos.

 

Ao NAPNE compete propor, estimular e acompanhar a implementação de acessibilidade arquitetônica, atitudinal, comunicacional e pedagógica no campus, para a remoção de barreiras, e fomentar a autonomia dos estudantes acompanhados pelo núcleo, de forma a viabilizar as condições para o acesso, a permanência e êxito desses alunos nos cursos ofertados no campus São Roque, de forma a contribuir para a sua cidadania e qualidade de vida.

 

Os demais estudantes (aqueles que não constituem parte do público-alvo da educação especial segundo a legislação vigente) são acompanhados pela equipe da Coordenadoria Sociopedagógica. Esses também poderão ser direcionados ao NAPNE, conforme avaliação das equipes envolvidas.

 

Equipe gestora do NAPNE:

  • Coordenadoria: Trad Intérprete de LIBRAS Esp. Leila Cristina dos Santos

  • Secretaria: Profª. Drª. Márcia de Oliveira Cruz

Contato:

 

Observação: Conforme a legislação em vigor, os estudantes público-alvo da Educação Especial são as pessoas com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação. A Política de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva indica que “Considera-se pessoa com deficiência aquela que tem impedimentos de longo prazo, de natureza física, mental ou sensorial que, em interação com diversas barreiras, podem ter restringida sua participação plena e efetiva na escola e na sociedade. Os alunos com transtornos globais do desenvolvimento são aqueles que apresentam alterações qualitativas das interações sociais recíprocas e na comunicação, um repertório de interesses e atividades restrito, estereotipado e repetitivo. Incluem-se nesse grupo alunos com autismo, síndromes do espectro do autismo e psicose infantil. Alunos com altas habilidades/superdotação demonstram potencial elevado em qualquer uma das seguintes áreas, isoladas ou combinadas: intelectual, acadêmica, liderança, psicomotricidade e artes, além de apresentar grande criatividade, envolvimento na aprendizagem e realização de tarefas em áreas de seu interesse”.

 

Acesso rápido:

1 - Portaria Normativa Reitoria IFSP Nº 08, de 28 de junho de 2021. Dispõe sobre o Regulamento do NAPNE:

https://drive.ifsp.edu.br/s/kn65S8POszJREFT#pdfviewer

 

2 - Portaria São Roque IFSP Nº 124, de 19 de outubro de 2021. Designa os membros para comporem o NAPNE do IFSP – Campus São Roque:

https://drive.ifsp.edu.br/s/QlZVOB8sfTWUy2a?path=%2F2021%2F10.%20Outubro%20-%202021#pdfviewer

 

3 - Página das Ações Inclusivas da Pró-Reitoria de Ensino do IFSP:

https://www.ifsp.edu.br/component/content/article/1472

 

4 - Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (2008):

http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/politica.pdf

 

5 - Lei Nº13.146, de 6 de julho de 2015.Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência):

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm

 

6 – Lei Nº 12.764, de 27 de dezembro de  2012. Institui a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista; e altera o § 3º do art. 98 da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990:

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12764.htm

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página